NOSSO ENDEREÇO

Av. Anhanguera, 659 - JARDIM NOVO MUNDO - CEP 74705-015 - Goiânia-GO - Pr. Marcos Machado - Fone: (62) 3206-3506 email do blog:educristaibjnm@gmail.com - "SÓ O SENHOR É DEUS!"

19/10/2014

A BASE PARA A DELEGAÇÃO DE AUTORIDADE: RESSURREIÇÃO III

Os tolos são orgulhosos
Watchamn Nee
Leia Números 17.1-11 (continuação)
    Quando o Senhor Jesus entrou em Jerusalém montado no jumentinho, as multidões gritaram: “Hosana ao Filho de Davi!” “Bendito é o que vem em nome do Senhor!” “Hosana nas alturas!”(Mateus 21:9). Imaginemos, por um instante, que o jumento, ouvindo as exclamações de Hosana e vendo as palmas pelo caminho, se voltasse para o Senhor e perguntasse: “Essesbrados de louvor são para mim ou para você? , ou se voltasse para a jumenta e dissesse: “Afinal, sou mais nobre que você.” Seria evidente que, em ambos os casos, o jumentinho não estaria reconhecendo aquele que estava montado nele. Muitos servos de Deus, no entanto, pensam assim. Não havia nenhuma diferença entre o jumentinho e a jumenta. Obviamente, era o Senhor sobre o jumento que tinha de ser louvado. As exclamações de Hosana não são para você nem as palmas estendidas pelo chão. Só um tolo diria: “Eu sou melhor que você”. Quando Arão, pela primeira vez, viu a vara que brotara, sua reação imediata deveria ser de espanto. Seria natural ele exclamar: “Por que minha vara brotou? Não é igual às outras? Por que Deus me concedeu tal glória e poder? Por que Deus me concedeu tal glória e poder? Eu mesmo jamais poderia fazer isso. O que é nascido da carne é carne. Eu sou igual ao povo de Deus”.
    Outros talvez ficassem confusos, mas Arão entendeu. Ele  reconheceu que sua autoridade espiritual fora concedida por Deus. Nenhum de nós tem direito de ficar orgulhoso. Se hoje recebemos misericórdia, é porque Deus assim o quis. Quem é competente para esse ministério? Nossa competência vem de Deus. Seria muito estranho alguém viver na presença autoconfiança e tolice da parte do jumento para que imaginasse que o louvor daquele dia lhe era dirigido. Um dia, ele despertaria e ficaria envergonhado de si mesmo. É verdade que seremos glorificados, mas nossa glória está no futuro, não agora. Os mais jovens deveriam aprender a lição da humildade. Todos nós precisamos saber que nosso progresso não depende nem um pouco de nós mesmos. Não nos devemos considerar diferentes dos outros só porque aprendemos algumas lições espirituais. Tudo é graça de Deus, tudo é concedido por Deus, nada vem de nós mesmos. Arão sabia muito bem que fora Deus que fizera sua vara brotar, porque tudo aconteceu por meio do poder sobrenatural. Deus usou essa forma para falar a Arão e também ao povo de Israel. Arão, daquele momento em diante, ficou sabendo que todo ministério se baseia no brotar, não nele mesmo. Hoje, quando servimos a Deus, também devemos reconhecer que o ministério vem da ressurreição, e a ressurreição, de Deus.

(...continua)